Já arderam mais de 68.000 hectares em Portugal

13-08-2010 16:04

Desde o início do ano já arderam mais de 68 mil hectares em Portugal. A informação foi revelada hoje pelo Sistema Europeu de Informação de Fogos Florestais.

O maior incêndio registado em Portugal desde o início do ano consumiu 4797 hectares, na semana passada, na região de Dão e Lafões, de acordo com os registos de satélite actualizados hoje pelo Concelho Europeu.

Esta é a área referente a parte dos incêndios que lavraram esta semana em Viseu (São Pedro do Sul). Outra zona afectada por vários incêndios nos últimos dias e destacada pelo sistema europeu é a Serra da Estrela, na qual quatro fogos consumiram 9475 hectares, nas localidades de Girabolhos, São Romão, Vila Franca da Serra e Sandomil. O Sistema Europeu de Informação de Fogos Florestais (EFFIS), do Centro de Investigação Conjunto do Conselho Europeu, divulga no seu endereço electrónico que em Portugal, desde o inicio de Agosto, ocorreram pelo menos 10 incêndios com áreas ardidas superiores a 1000 hectares.

O Conselho Europeu regista e divulga através do sistema de satélites de alerta de fogo que em permanência acompanham toda a Europa e norte de África, incêndios com áreas ardidas superiores a 20 hectares. Os dados divulgados por este organismo resultam do cruzamento de informações fotográficas de vários satélites, através de diferença de amplitude térmica e coloração dos solos, níveis de humidade e pontos georeferenciados no solo.

A Autoridade Florestal Nacional (AFN), na tutela do Ministério da Agricultura é a entidade responsável pela divulgação destes dados e publica periodicamente, aproximadamente de 15 em 15 dias, relatórios provisórios referentes aos incêndios e áreas ardidas em Portugal, registando apenas como "grandes incêndios" áreas ardidas superiores a 100 hectares. A base de dados nacional de incêndios florestais contabiliza [de forma ainda provisória] entre Janeiro e 31 de Julho de 2010 um total de 8753 ocorrências, dos quais 1390 fogos em zonas florestais e 7363 fogachos, de que resultaram uma área total queimada de 19.346 hectares.

De acordo com o relatório definitivo da AFN de 2009, no ano passado arderam em Portugal 86.674 hectares e registaram-se 26.136 ocorrências de fogo.

 Económico com Lusa   

13/08/10 13:58