Flores

Flores

CONJUNTURA SEMANAL - MERCADOS DE PRODUÇÃO

 

20/07 a 26/07 de 2015

 

Alstroeméria – Na Região Norte, na área de mercado de produção de Entre Douro e Minho, registou-se um oferta média, boa procura e escoamento fluido. Subida das cotações devido ao aumentou da procura.

Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta equilibrou a procura média. Cotações estáveis.

Arália - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta apresentou-se média/baixa e a procura média. Cotações estáveis.

Celosia - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta e a procura ainda foram baixas.

Cotações estáveis.

Cravo /Cravina – Na Região Norte, na área de mercado de produção de Entre Douro e Minho, a oferta e a procura apresentaram-se médias. Cotações sem alteração. Escoamento regular. Concorrência de produto espanhol.

Na Região Centro, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta de cravo e cravina foi fraca e a procura média/baixa. Cotações sem alteração. O escoamento melhorou. O volume de transações foi superior.

Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta foi média e equilibrou a procura. Escoamento normal para a época. Cotações estáveis.

Crisântemo - Na Região Centro, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta de «crisântemo spray/margarida» foi fraca , assim como a procura. Subida das cotações. Escoamento lento.

Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta equilibrou a procura média. Cotações sem alteração.

Espargo – Na Região Norte, na área de mercado de produção de Entre Douro e Minho, a relação oferta/procura foi equilibrada e média.

Cotações estáveis.

Feto - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta foi média e equilibrou a procura Cotações estáveis.

Gerbera – Na Região Norte, na área de mercado de produção de Entre Douro e Minho, a oferta e a procura apresentaram-se médias. Bom escoamento. Cotações estáveis.

Na Região Centro, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta foi média, assim como a procura. A flor de cor branca foi mais valorizada. Escoamento regular. Subida da cotação mínima.

Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta foi média e equilibrou a procura. Escoamento normal para a época. Cotações estáveis. A cotação máxima corresponde à flor de cor branca.

Gipsofila - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta foi abundante e a procura média. Escoamento normal. Cotações estáveis.

Girassol - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta equilibrou a procura média. Descida da cotação máxima.

Gladíolo - Na Região Norte, na área de mercado de produção de Entre Douro e Minho, a oferta e a procura apresentaram-se médias. Escoamento regular. Cotações estáveis. na Região Centro, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta foi alta e a procura média. Cotações sem alteração.

Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta apresentou-se alta e a procura média. Cotações sem alteração. Escoamento regular.

Hortênsia - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta manteve-se baixa. Subida da cotação máxima.

Lilium - Na região Norte, na área de mercado de produção de Entre Douro e Minho, a oferta de lilium Imperial manteve-se média. Boa qualidade, procura média e escoamento regular. Cotações estáveis.

Na Região Centro, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta continuou baixa e a procura média/baixa. Cotações sem alteração. Escoamento lento. Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta manteve-se equilibrada com a procura baixa. Cotações estáveis. Escoamento normal.

Limonium - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta foi média e a procura também.

As cotações não se alteraram. Escoamento normal.

Lisyanthus - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta foi média/alta e a procura média. Escoamento normal. Cotações estáveis.

Rosa - Na Região Norte, na área de mercado de produção de Entre Douro e Minho, a oferta foi média, de boa e razoável qualidade.

Procura média. Cotações estáveis. Escoamento regular. Concorrência de produto da Holanda e Equador.

Na Região Centro, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta e a procura de rosa apresentaram-se médias, normal para a época. Escoamento fluido. As cotações não se alteraram.

Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta manteve-se média/alta e a procura média. Bom escoamento . As cotações não se alteraram.

Ruscus - Na Região de Lisboa e Vale do Tejo, na área de mercado da Península de Setúbal, a oferta e a procura apresentaram-se baixas. Cotações estáveis.

 

CONJUNTURA SEMANAL - MERCADOS ABASTECEDORES

 

MARL

Oferta significativa de flores de corte, com destaque para o crisântemo, gerbera, gladíolo, lilium imperial, lisyanthus e rosa. A procura esteve normal e incidiu no antúrio, cravo/cravina, crisântemo, gerbera, gipsofila, gladíolo, lilium imperial, lisyanthus e rosa. Ligeiras oscilações das cotações consoante a maior ou menor procura. A oferta das folhagens foi suficiente para a cameleira, espargo,

eucalyptus, fetos, leucadendron, ruscus, solidago e treefern, com estabilidade das cotações. Quanto aos produtos vindos do exterior, a procura foi direcionada para o crisântemo, fetos, gipsofila e solidago de Espanha, além do crisântemo, orquídea e rosa da Holanda e também rosa do Equador. Subida das cotações da orquídea/Holanda.

 

Mercoflores

O Mercoflores manteve-se bem abastecido das diversas flores de corte, com uma oferta considerável para a maioria das espécies cotadas. A procura esteve média, mas foi superior para o cravo/cravina, crisântemo, gerbera, gladíolo e rosa. Descida das cotações para

o crisântemo, subida para o antúrio e Limonium e estabilidade para as restantes. Quanto às folhagens, como espargo, eucalyptus cinera, diversos fetos, ruscus, solidago e treefern, a oferta foi suficiente para todas as espécies, com as cotações estabilizadas.

Manteve-se a presença de produto importado, nomeadamente de cravo, crisântemo, fetos e gipsofila de Espanha, além de crisântemo, orquídea e rosa da Holanda e ainda rosa do Equador. Subida das cotações para a gipsofila/Espanha e orquídea/Holanda e descida para o crisântemo/Holanda.

 

Informação: GPP - SIMA