Produção de cogumelos em substrato

Produção de cogumelos em substratos lenho-celulósicos

Para elaborar o seu projeto de investimento em cogumelos, fale connosco.

 

 

Temperaturas ótimas (⁰C)

Espécies com interesse

Incubação

Formação de primórdios

Desenvolvimento do cogumelo

Pleurotus ostreatus (cogumelo ostra)

21 – 27

18 – 24

21 – 27

Pleurotus djamor

24 – 30

18 – 25

20 – 30

Pleurotus citrinopileatus

24 – 29

21 – 27

21 – 29

Pleurotus eryngii

(cogumelo cardo)

24

10 – 15

15 – 21

Lentinula edodes

(shiitake)

21 – 27

10 – 16 (Donko)

16 – 18 (Donko)

16 – 21 (Koshin)

21 – 27 (Koshin)

Agrocybe aegerita

(cogumelo do choupo)

21 – 27

10 – 16

13-18

 

Substrato:

Chama-se substrato ao material no qual o micélio dos cogumelos se desenvolve. Resíduos agrícolas e/ou florestais como lascas de madeira, serradura, palhas, etc… podem ser usados como ingredientes principais do substrato para a produção de cogumelos da espécie Pleurotus e shiitake. 

Tratamento do substrato:

Serradura – Esterilização a 120 ⁰C durante 90 minutos.

Palha – Pasteurização a 60-80 ⁰C durante 60 minutos

Vantagens:

  • Menor período de incubação ↔ frutificações mais rápidas;
  • Maior número de ciclos por ano ↔ maior produção anual;
  • Maior produtividade por m2;

Desvantagens:

  • Investimento inicial elevado;
  • Substratos sensíveis à desidratação e temperaturas fora dos valores ótimos ↔  Exigência no controlo da humidade e temperatura com custos elevados;
  • Elevada especificação e conhecimento na área da micologia;

Mercado:

  • Canal HORECA – Hotéis, Restaurantes e Cafés → Produção de pequena escala;
  • Mercados gourmet → Produção de pequena escala;
  • Grandes superfícies → Produção de grande escala;
  • Exportação para Europa→ Produção de grande escala/Organização de Produtores.

Para elaborar o seu projeto de investimento em cogumelos, fale connosco.