Produção de framboesas

  • A cultura da framboesa em Portugal deve ser encarada numa perspetiva de exportação dado o baixo consumo no mercado português.
  • Espanha é o maior concorrente de Portugal na produção precoce de Primavera.
  • Área mínima necessária para viabilidade da produção= 1ha

Tipologias de produção:

  • Ao ar livre → Não se adapta à maioria das regiões do continente português devido às altas temperaturas e à baixa humidade relativa no Verão;
  • Em túnel Colocação dos túneis no início da Primavera pode ser suficiente para antecipar a produção em uma ou duas semanas. Técnica simples mas de rentabilidade variável;
  • Produção precoce com tratamento em câmara frigorífica, a 3 ⁰C, durante 6 semanas;
  •  Produção tardia → Obtida através do corte dos lançamentos do ano ao nível do solo durante o Verão;
  • Produção em estufa;
  • Produção hidropónica

Vantagens:

  • Portugal possui regiões com condições edafo-climáticas que o podem tornar líder Europeu na produção de framboesas;
  • Mercado bem estruturado com empresas estrangeiras fortes instaladas em Portugal;
  • Adaptabilidade das tipologias de produção a cada região;
  • Crescente procura pelo produto

Desvantagens:

  • Baixo consumo do fruto em Portugal;
  • Cultura que exige elevada especialização e conhecimento para qualquer uma das tipologias;
  • Custos elevados com mão-de-obra;
  • Escassez de mão-de-obra;